A preguiça é um mal tão grande, que foi con­sid­er­ado um pecado na religião cristã. Por bom, motivo, a preguiça elim­ina um fac­tor essen­cial no ser humano, que é a neces­si­dade de con­cretiza­ção. Uma pes­soa que não se sente real­izada NUNCA con­segue ser feliz, em qual­quer momento.

Com isto parto o coração e os son­hos daque­les que gostariam instan­ta­nea­mente de rece­ber uma for­tuna e nunca mais fazer nada na vida. Não, isso não vos vai deixar felizes. Lamento.

Mas sei como con­seguem com­bater essa falta de produtividade.

Con­tin­uar a ler… »