Propostas e mais propostas...A mel­hor maneira de entrar num pro­jecto a perder começa, sem dúvida, na elab­o­ração de uma pro­posta mal executada.

No íni­cio da minha car­reira de free­lancer a full-time,  tive a pos­si­bil­i­dade de pro­jec­tar um grande site de e-commerce, com apoios do fundo comu­nitário. Este pro­jecto estava asso­ci­ado a uma outra empresa, deten­tora dos dire­itos. No entanto, a equipa de quem depen­diam subita­mente despediu-se e quis­eram rap­i­da­mente alguém que ocu­passe a posição.

Na con­versa infor­mal que foi tida na altura, eu faria uma pro­posta e apre­sen­taria com base no pres­su­posto de acabar o pro­jecto com algu­mas alter­ações mín­i­mas que fal­tavam fazer.

Deste erro colos­sal vou destacar aqui as gaffes que fui efec­tuando e pelo qual não con­segui com que este pro­jecto desse o lucro que prometia.

Este pro­jecto durou cerca de dois anos e rece­ber demorou ainda mais. Então aqui vai a lista:

  1. Não inves­ti­gar todo o código do pro­jecto inacabado;

  2. Não anal­isar os poten­ci­ais prob­le­mas das fun­cional­i­dades pedidas;

  3. Não colo­car val­ores por fase aquando adjudicação;

  4. Não definir na pro­posta exac­ta­mente o que iria fazer;

  5. Não equa­cionar que o pro­jecto pedia deslo­cações pelo país e não pedir mais por valor de deslocação;

  6. Não saber gerir com qual­i­dade os out­sourcers que tra­bal­haram no pro­jecto comigo;

  7. Não saber gerir os testes de qual­i­dade que eram real­iza­dos sobre o código efec­tu­ado pelos outsourcers;

  8. Não saber avaliar a dimen­são do prob­lema antes de entrar numa situ­ação de pre­juízo mesmo con­tando com o valor da proposta;

  9. Não equa­cionar dev­i­da­mente o tempo de lab­o­ração das fun­cional­i­dades e fal­har pra­zos consecutivamente;

  10. Não con­seguir lidar com as exigên­cias extras do cliente quando o pro­jecto tinha fal­hado todos os pra­zos estabelecidos.

Cuidado com as pro­postas de boca!

Esta “pequena” lista provém de uma falha téc­nica na avali­ação do tra­balho aquando a real­iza­ção da pro­posta. É extrema­mente impor­tante anal­isar as exigên­cias do pro­jecto, se a entrega do pro­jecto pres­supõe insta­lação do mesmo em difer­entes máquinas, se estas têm lig­ação remota etc.

Uma situ­ação foi pos­i­tiva… Con­heci o país de lés a lés.
Bons pro­jec­tos e poucos erros!

Um abraço e tudo de bom,

2 comments
José
José

Adoro este blog, que conheci ao procurar a forma de preencher recibos verdes. Gosto especialmente da abrangência de assuntos: motivação, erros comuns e até humor. Gostaria de lhe apenas perguntar: qual o melhor método de contratualizar uma prestação de serviços, salvaguardando o developer a recibos verdes (no caso de um trabalho por website e não contrato de trabalho numa empresa)? Obrigado e continuação de boa escrita.

Ricardo
Ricardo

Alô José Obrigado pelos elogios :). O objectivo é que ajude realmente a quem ler, ou também que divirta =). Quanto à tua questão existe um fio da navalha entre assegurarmos o que nos é devido e não insultar ou incomodar o cliente. Nesse sentido a melhor salvaguarda que podes fazer é acordarem pagamento por tranches. Divides o teu serviço em 4 partes: adjudicação, 50% do trabalho, finalização e manutenção. Asseguras que o valor que pedes inclui, internamente, cerca de 1 semana por cada mês de criação do site (6 meses = 1 mês e meio de manutenção) de manutenção para resolução de problemas e ajustes de pequenas coisas. Especificas que não pode haver nesse interim criação de novas funcionalidades. Com esta medida, o cliente sabe que não fica "agarrado" quando o site acaba. Quando defines o orçamento, pede 30% à cabeça, mais 30% quando estiveres a meio sensivelmente (define um ponto em que X funcionalidades estão completas) e 40% no final. Certifica-te que envias o orçamento e pedes confirmação da adjudicação por email. Hoje em dia o email serve como comprovativo de palavra dada a nível legal. Fora isto, exigir um contrato para um trabalho é algo complicado porque ninguém assina contratos sem consultar um advogado e torna-se uma situação desconfortável para trabalhar. Espero ter ajudado. Bons projectos.